A gente se fala

Difícil de escrever. Na hora de despedir sinto o mesmo frio na barriga do dia que comecei aqui na rádio, que pouco a pouco foi se tornando minha casa.E hoje, despeço-me desse meu lar dos últimos quatro anos e meio. Por aqui, eu me aproximei ainda mais de Resende Costa, descobri histórias de cada canto do nosso município e me apaixonei por elas.
Pensava no afilhado na mesma intensidade como Mano conseguiria levar o Cruzeiro até o final da Libertadores com título. Desde 2011, essa era sua principal vontade. Caio tinha chegado um ano depois, veio depois do pior ‘verón’ que teve.